O bem que a reflexologia faz




http://www.portugalsenior.org/wp-content/uploads/2014/05/pes1-642x336.jpg

A reflexologia é  uma manipulação feita com as pontas dos dedos das mãos, nos pontos estratégicos e em técnicas específicas, que acabam promovendo uma mudança fisiológica no corpo, estimulando especialmente o próprio potencial de cura do organismo.

É uma terapia complementar, não um procedimento médico e, como tal, não deve ser utilizada como cura para doenças graves. É no entanto na recuperação dessas doenças que a reflexologia tem um enorme potencial.

Apesar da medicina ocidental tradicional colocar diversas reticências quanto à viabilidade da técnica, diversos estudos sugerem a eficácia da reflexoterapia no alívio da pressão sistólica e diastólica antes de operação coronária.

O primeiro benefício da reflexologia é o relaxamento, reduzindo a tensão, melhora a irrigação sanguínea, equilibra a harmonia entre todas as funções do corpo e combate o estresse.

Embora não forneça uma cura para os problemas cardíacos que requeiram cirurgia, a possibilidade de controlar o stresse e a pressão sanguínea nos momentos imediatamente antes das intervenções cirúrgicas pode bem contribuir para salvar vidas, ao ajudar a atrasar a progressão dos sintomas da doença coronária.

A dor e o seu controle têm desde há muito tempo sido um dos domínios onde a reflexologia mais se destaca. A terapia inclusivamente rivaliza com a administração de Iboprufeno para controlar as dores menstruais, isto sem os efeitos adversos do fármaco. Estes resultados podem ser transpostos para todas as condições patológicas ou naturais onde se verifique uma prevalência de dor crónica, incluindo fibromialgia, esclerose múltipla ou enxaqueca.

Também no pós-operatório, as características anti-dor da reflexologia contribuem para uma recuperação mais rápida e com menor recurso a analgésicos potencialmente nocivos para o sistema digestivo.

Através da reflexologia podal (no pé), promove-se ainda a drenagem linfática e a eliminação de toxinas e impurezas do nosso corpo, contribuindo para um organismo mais sadio e livre dos elementos químicos e manipulados que são hoje em dia tão omnipresentes.

Para lá dos seus efeitos mais profundos, a reflexologia induz relaxamento imediato e produz o alívio do stresse e tensão muscular. As hormonas libertadas durante o processo significam que o paciente entra numa fase de bem-estar que se prolonga por horas, mesmo dias, após a massagem.


Comente:

Nenhum comentário

Comente com educação