Shiatsu: a terapia do relaxamento e equilíbrio interior






Atualmente vivemos em um grau de estresse bastante alto do qual não podemos fugir. Temos, entretanto, que aprender a controlá-lo partindo do equilíbrio de energia positiva e negativa gerada por esse corre-corre da vida moderna. Para ajudar nesse processo, vem crescendo as terapias alternativas, e entre elas o Shiatsu.

Leia também:


O QUE É?

Shiatsu é uma terapia manual desenvolvida no Japão, no início do século XX, reconhecida pelo Ministério da Saúde, é indicada para prevenir e tratar vários distúrbios, tais como:
• Ansiedade e Insônia;
• Dores no corpo: musculares, articulares, na coluna vertebral;
• Dores de cabeça e Dormências;
• Espasmos musculares;
• Estresse e Esgotamento físico;
• Edemas (inchaços) nos pés e nas mãos;
• Tensões pré-menstruais e cólicas menstruais;
• Entre outras.

A palavra é derivada do japonês, onde SHI significa "dedo" e ATSU "pressão", ou seja, pressão dos dedos. Pode ser feito tanto em pessoas com distúrbios quanto em saudáveis, sem limites de idade ou sexo, inclusive em bebês. Indivíduos com estresse têm no Shiatsu um grande aliado para problemas de tensão e fadigas musculares. Também pode ser realizado em grávidas onde ocorre melhora na circulação, nos edemas e nas dores musculares. Os idosos sentem-se muito bem, pois, em sua maioria apresentam problemas de coluna, músculos e articulações.

No geral o Shiatsu proporciona:
• Alívio das dores;
• Desenvolvimento da consciência e sensibilização corporal;
• Eliminação de toxinas e harmonização interior;
• Manutenção e prevenção da saúde;
• Reequilíbrio dos centros de energia;
• Revitalização e relaxamento geral.

O Shiatsu desperta o indivíduo para uma nova consciência de si próprio. Desenvolve uma grande sensação de equilíbrio, leveza, vitalidade e bem estar.

COMO É FEITO?
Na prática do Shiatsu, o terapeuta usa os polegares, as palmas das mãos e até mesmo o antebraço para pressionar pontos ao longo dos meridianos do nosso corpo, de modo ritmado e modulado, assim como técnicas de manipulação, alongamento de músculos e tendões, rotações de articulações. Com esses toques vai desbloqueando a energia vital, melhorando a circulação sangüínea e linfática. Como resultado, relaxa o sistema nervoso e muscular, promovendo equilíbrio orgânico, psíquico e, sobretudo energético.
Para a realização da sessão, o paciente primeiramente passa por uma avaliação com o terapeuta, e após segue para terapia. Uma sessão de Shiatsu geralmente tem duração de 50-60 minutos, e seu número varia de acordo com a necessidade de cada indivíduo. Nesta terapia não é necessário o paciente se despir.

"Mantenha a energia do seu corpo equilibrada e fique relaxado com a terapia alternativa: SHIATSU!" 


Comente:

Nenhum comentário

Comente com educação