Entenda as restrições para quatro tipos diferentes de massagens




Mulher faz massagem

Grávidas e hipertensos não podem fazer todos os tipos de massagens
Foto: Getty Images


Opções de massagem não faltam. Mas para que serve cada modalidade? Entenda os benefícios e as restrições de quatro tipos delas:

Shiatsu
Com pressão, os dedos  atuam sobre os meridianos do organismo, tirando dores e tensões. Não é indicada para pessoas com hipertensão, febre, fraturas, qualquer tipo de câncer e infecções.

Ayurvédica
É uma vigorosa massagem indiana que estimula os músculos e a circulação e libera as toxinas. Por meio de toques fortes feitos com as mãos, os cotovelos e os pés, ela ajuda a realinhar a postura, aliviar tensões, fortalecer o sistema imunológico e é um reforço antiestresse e antidepressivo. Não é indicado para grávidas.

Drenagem linfática
Estimula o sistema linfático. Diminui a retenção de líquidos e, no pós e pré-operatórios, ameniza edemas. Não é adequada para quem tem tumores, inflamações, trombose ou problemas na pele e para gestantes com pressão alta.

Modeladora
Movimentos fortes e rápidos pelo corpo que desmancham a gordura das células. Ótima para quem quer perder medidas e eliminar celulite. Não é recomendável para quem tem algum tumor, problemas de pele, trombose ou processo inflamatório, como virose.



Comente:

Nenhum comentário

Comente com educação