Reiki




Acura pela energia universal, direcionada por meio das mãos. Certamente esse tipo de tratamento é um dos que mais podem despertar a desconfiança dos céticos, pois se fundamenta em algo além do físico, diferentemente de uma massagem ou sessão de acupuntura. No entanto, os adeptos garantem: o reiki, como é chamada a energia universal, cura de verdade, sejam problemas físicos, sejam emocionais. Doenças ou efeitos colaterais de tratamentos químicos podem ser curados ou amenizados. Depressão, estresse, ansiedade, resfriados, dores estomacais, câncer entre outras são alguns dos males que podem ser combatidos com a técnica.

“O reiki potencializa outras terapias, principalmente aquelas que se dão por meio do toque”, explica a especialista Neuza Zuchi, que ministra cursos no Brasil e em Portugal e tem experiência de 12 anos no assunto. Em japonês, a palavra reiki vem da junção de rei (universo) com ki (energia). Embora utilizada há milhares de anos no Oriente, a técnica só foi redescoberta em meados do século 19, pelo padre japonês Mikao Usui. O que não significa que o reiki tenha algum significado religioso. Pessoas servem como canais de transmissão do reiki, que é aplicado através das mãos, que são postas em diferentes locais do corpo do paciente. O toque não é imprescindível, mas é recomendado.

Embora não haja nada comprovado, existem relatos de curas físicas obtidas por meio do Reiki. Médicos e enfermeiras que usam a técnica observam uma resposta mais positiva de seus pacientes aos tratamentos convencionais. “Na clínica em que trabalho, consigo até conter os surtos de alguns pacientes”, explica Masako Gombata, que é aplicadora de reiki e auxilia deficientes mentais como assistente social.

O efeito mais evidente é a redução do estresse, o que traz tranqüilidade ao receptor da energia. “Com isso, a pessoa passa a se conhecer melhor e a entender a causa de seus problemas”, diz Masako. Tanto que alguns psicólogos indicam o reiki como complemento para terapias, dado o seu potencial de cura para distúrbios psicossomáticos (males físicos que se originam de problemas emocionais).

Para os que buscam uma terapia alternativa que pode ser auto aplicada, o reiki é um dos mais indicados. Pela simplicidade, pode ser utilizado no dia-a-dia a qualquer momento. Embora a eficácia da energia universal esteja ratificada apenas por testes empíricos, vale a tentativa para quem está disposto a apostar em algo mais que somente o cientificamente comprovado.



Comente:

Nenhum comentário

Comente com educação