A a Z das terapias alternativas




Calcula-se que haja quase 800 modalidades de terapias alternativas em todo o mundo. No Brasil, as mais populares são as que envolvem massagem e plantas. Veja o que cada uma propõe e qual a postura da comunidade científica em relação a ela

A

ACUPUNTURA
Há 5000 anos, os chineses afirmam que o corpo humano é atravessado por canais de energia chamados meridianos. Cada ponto desse caminho se relaciona a um órgão. No início, espetavam-se lascas de pedra ou espinhas de peixe para reequilibrar energias opostas, que causariam as doenças. Hoje é cientificamente provado que a acupuntura libera endorfina e outros neurotransmissores que atuam no sistema nervoso, ajudando a aliviar a dor e a curar algumas doenças

APITERAPIA
Propõe a cura de qualquer mal, de tumores na próstata a diabetes, a partir da ingestão de derivados do mel de abelha. Não há nenhum respaldo científico. Endocrinologistas alertam: tratar diabetes com mel pode matar

AROMATERAPIA
Defende o uso de óleos essenciais de plantas e flores, que são esfregados no corpo ou inalados com o propósito de tratar doenças da vida moderna, como depressão e stress. Nada mais é que um placebo

C

CRISTAIS
Sustenta que a energia dos cristais pode proteger o corpo e afastar doenças. Exemplo: ametista para combater ansiedade e medo, turmalina negra para manter a segurança em circunstâncias adversas, e por aí vai. É de fazer corar até os maiores entusiastas das práticas alternativas

CROMOTERAPIA
As cores teriam propriedades curativas. Azul, por exemplo, seria calmante. Propõe tratar dores crônicas, desordens imunológicas e até câncer. O tratamento recomenda concentrar-se em uma cor e imaginar que ela está percorrendo todas as veias, tomando conta do corpo. Sugere que a pessoa beba a chamada "água de arco-íris", que é água colocada em vários recipientes coloridos expostos ao sol. Esqueça. Não funciona

D

DIETOTERAPIA
Parte do princípio de Gandhi: "Você é aquilo que come". Propõe tratar algumas doenças a partir de uma nova dieta nutricional. Sozinha, não adianta nada. Só serve para que os pacientes entrem em forma

F

FLORAIS DE BACH
Essências de 38 flores diluídas em um conservante à base de conhaque que teriam propriedades curativas

FITOTERAPIA
O princípio curativo de alguns chás e plantas é inegável, já que 45% dos remédios usados pela medicina convencional são feitos a partir de substâncias extraídas de vegetais

H

HOMEOPATIA
Seu mecanismo de ação ainda é um mistério para a ciência. Vários médicos tradicionais admitem sua utilização em doenças crônicas, como alergias, e sobretudo nas de fundo emocional, como depressão

HIPNOTERAPIA
Leva a pessoa a um transe semiconsciente. Nesse estado, as pessoas estariam mais suscetíveis a ser sugestionadas e acabariam se recuperando mais rapidamente de problemas de saúde ou vícios, como bebidas e drogas. Reconhecido pelo Conselho Federal de Medicina como um complemento ao tratamento convencional

I

IRIDOLOGIA
Os iridólogos se propõem a fazer diagnósticos observando as marcas da íris. A técnica é considerada uma piada pela comunidade científica. Mesmo os simpatizantes dos tratamentos alternativos desconfiam. O Royal London Homeopathic Hospital, um dos mais conceituados da Inglaterra, publicou um estudo afirmando que a iridologia é uma técnica "totalmente sem valor"

M

MAGNETOTERAPIA
Técnica que utiliza ímãs para combater dores crônicas, inflamações, ansiedade e insônia. Colocam-se placas imantadas sobre algumas regiões do corpo ou recomendam-se banhos com água magnetizada. Eficaz mesmo só para prejudicar quem usa marcapasso

O

ORTOMOLECULAR
Teoria desenvolvida por Linus Pauling, ganhador do Prêmio Nobel de Química, que emprega vitaminas, minerais e aminoácidos para criar um suposto equilíbrio nutricional do corpo. O diagnóstico dos elementos que estão faltando no organismo pode ser feito a partir do exame do fio de cabelo. O exame foi proibido pelo Conselho Federal de Medicina por ser uma balela. Uma de suas teses é que ingerir grandes doses de vitamina C pode evitar para sempre gripes e resfriados. Não há nenhuma evidência sobre isso. A única, relatada no site www.quackwatch.com, é que o maior doador do Instituto Linus Pauling foi Hoffmann-La Roche, dono do maior laboratório de produção de vitamina C do planeta

Q

QUIROPRAXIA
De acordo com a quiropraxia, dores no pescoço ou na região lombar surgem quando alguma das 24 vértebras da coluna sai do lugar e pinça o nervo. Funciona em alguns casos ligados à má postura. E só. É um procedimento que alivia dores na hora. Não resolve definitivamente nenhum problema. Ainda assim, é a segunda maior especialidade na área de saúde nos Estados Unidos

R

REIKI
É uma terapia de imposição das mãos, na qual o terapeuta seria apenas "uma ponte" entre a energia do universo e a da outra pessoa. Os reikianos sustentam que a própria energia vital pode curar qualquer doença. Qualquer um pode se tornar um mestre reikiano num curso de fim de semana, pagando 195 reais. E depois ganhar muito mais, cobrando cerca de 100 reais por trinta minutos de consulta

S

SHIATSU
É como a acupuntura, mas sem as agulhas. Segue a filosofia chinesa de que o corpo é atravessado por canais de energia, mas a técnica foi aperfeiçoada pelos japoneses ao longo dos anos. Ao pé da letra, "shi" significa dedo e "atsu", pressão. É dessa forma, com apertões com o dedo polegar pelo corpo todo, que o massagista consegue desfazer os nódulos nesses caminhos e eliminar as toxinas acumuladas. Indicado para quem está estressado e com o corpo rígido de tanta tensão

T

TÉCNICA DE ALEXANDER
Desenvolvida por um ator australiano há mais de 100 anos, é um estudo prático das relações entre a mente e o corpo com o objetivo de mudar vícios de movimentação e de postura. O método é bastante procurado por atores, músicos, bailarinos e pessoas que querem prevenir os efeitos da correria da cidade grande no organismo

U

URINOTERAPIA
A mais repugnante das terapias consiste em o paciente beber a própria urina, um excremento rico em toxinas, como forma de repor os nutrientes do corpo

X

XAMANISMO
Leitura moderna de uma tradição antiga. Entra-se em um estado de consciência alterado. Atualmente, com batidas de tambor; nos anos 60, com cogumelos selvagens. Faz-se algo como uma viagem para o mundo espiritual. Lá, você encontrará uma espécie de "poder animal", que pode ser desde um amigo invisível até um pingüim



Comente:

Nenhum comentário

Comente com educação