Aprenda a fazer massagem em casa




Massagem para fazer em casa

Em meio à rotina corrida que levamos, é importante tirar um tempinho para relaxar. Nessas horas, a automassagem é uma opção bastante prática para aliviar as tensões do cotidiano, pois não depende de ninguém, nem de materiais muito complexos.

A automassagem alivia tensões e dores, mas também proporciona o bem-estar emocional, promovido pelo toque e pode ser realizada diariamente, com duração máxima de uma hora. Um dos grandes benefícios é a possibilidade de realizá-la em qualquer momento do dia, sem que haja a necessidade de ir às clínicas especializadas.

Para realizá-la, é preciso utilizar as mãos e cremes ou óleos, embora bolas, bambus e massageadores também possam ser aproveitados. "Para o relaxamento com o creme ou óleo, basta deslizar as mãos sobre o corpo, espalhando o líquido e colocando a força e a pressão que sejam mais confortáveis para cada um", afirma a especialista.

Ou seja, é importante que a pessoa aplique certa pressão, e não somente deslize as mãos, embora a força aplicada varie para cada indivíduo. Para massagear o corpo todo, comece pela face e desça para o pescoço, o trapézio, os braços e o abdômen. Depois, massageie os pés, as pernas, e, por último, a região lombar. 

As automassagens também podem ser acompanhadas de técnicas de aromaterapia, além de exercícios e alongamentos que agem diretamente nos músculos e articulações.

Entretanto, é importante lembrar que a prática não é recomendada para quem possui algumas doenças, como diabetes e câncer, ou apresenta ferimentos no corpo.

Nesses casos, aconselha-se a liberação médica e o acompanhamento de especialistas para a realização das técnicas, pois elas podem agravar sintomas de doenças preexistentes.

A automassagem certa para cada sintoma

É possível trazer benefícios para o corpo facilmente, utilizando-se a técnica do-in, que consiste em massagear diversos membros do corpo utilizando pressões feitas com a mão e os braços. Algumas sugestões:

  • Para aliviar a tensão: massagear a região cervical, pressionando os pontos energéticos na região da base da cabeça e do trapézio – ou seja, por todas as regiões próximas à parte de trás da orelha e entre o pescoço e a borda do ombro;
  • Para aliviar a ansiedade: massagear a orelha (pinçando-a com os dedos polegar e indicador) e os pés;
  • Para aliviar dores: massagear a região afetada por dores especificamente musculares, começando pelas extremidades.

Mas um alerta: "toda dor é sinal de que algo está errado no organismo, e nenhum procedimento alternativo deve ser realizado sem avaliação médica e liberação para sua execução.

Portanto, não se esqueça de consultar um médico caso uma dor ou tensão corporal persista.



Comente:

Nenhum comentário

Comente com educação